• facebook
  • Flickr
  • twitter
  • orkut

GOVERNO TEM QUER A VOLTA DA CPMF!!

NÃO É POSSÍVEL! Querem colocar mais impostos na conta do povo. O Governo tem que taxar as grandes fortunas e fazer ajuste fiscal cortando cargos comissionados e ministérios e não taxando o povo.

Em momento de recessão como o que vivemos arrancar ainda mais dinheiro da sociedade é assinar o atestado de crueldade ao povo. Qualquer imposto a mais, todo mundo sabe onde vai parar: nos preços dos produtos. Este é um governo que não consegue cortar gastos. Não adianta. Não é a primeira vez que o governo especula sobre o assunto. O GOVERNO ROUBA E MENTE AO BRASIL!GOVERNO TEM QUER A VOLTA DA CPMF!!

NÃO É POSSÍVEL! Querem colocar mais impostos na conta do povo. O Governo tem que taxar as grandes fortunas e fazer ajuste fiscal cortando cargos comissionados e ministérios e não taxando o povo.

Em momento de recessão como o que vivemos arrancar ainda mais dinheiro da sociedade é assinar o atestado de crueldade ao povo. Qualquer imposto a mais, todo mundo sabe onde vai parar: nos preços dos produtos. Este é um governo que não consegue cortar gastos. Não adianta. Não é a primeira vez que o governo especula sobre o assunto. O GOVERNO ROUBA E MENTE AO BRASIL!

Descartada no início do ano, a proposta de volta da CPMF, também conhecida como “imposto do cheque”, ganha força no governo para fechar as contas em 2016. O envio de uma proposta de emenda constitucional ao Congresso Nacional faz parte do conjunto de medidas de aumento de tributos em discussão na elaboração da proposta do Orçamento da União do ano que vem. Apesar do clima desfavorável no Congresso e na sociedade para um novo aumento da carga tributária, a avaliação é de que a volta do tributo é indispensável. Uma vergonha nacional!

O rombo previsto - ou seja, a distância entre o que se projeta hoje de receitas e despesas sem novas medidas em comparação à meta de superávit primário de 0,7% do PIB - é superior a R$ 60 bilhões. É MUITO DINHEIRO QUE VAI APENAS PARA O BOLSO DELES E PARA O POVO NADA! O que ouvimos desse governo: “A conta não vai fechar sem aumento de tributos”, disse um integrante da equipe econômica.

NÃO PODEMOS MAIS ADMITIR QUE SÓ O POVO PAGUE A AMARGA CONTA DA INCOMPETÊNCIA DE UM GOVERNO QUE DEIXA AS MARGENS DA SOCIEDADE TODOS OS APOSENTADOS E IDOSOS! VAMOS DAR UM BASTA!

Descartada no início do ano, a proposta de volta da CPMF, também conhecida como “imposto do cheque”, ganha força no governo para fechar as contas em 2016. O envio de uma proposta de emenda constitucional ao Congresso Nacional faz parte do conjunto de medidas de aumento de tributos em discussão na elaboração da proposta do Orçamento da União do ano que vem. Apesar do clima desfavorável no Congresso e na sociedade para um novo aumento da carga tributária, a avaliação é de que a volta do tributo é indispensável. Uma vergonha nacional!

O rombo previsto - ou seja, a distância entre o que se projeta hoje de receitas e despesas sem novas medidas em comparação à meta de superávit primário de 0,7% do PIB - é superior a R$ 60 bilhões. É MUITO DINHEIRO QUE VAI APENAS PARA O BOLSO DELES E PARA O POVO NADA! O que ouvimos desse governo: “A conta não vai fechar sem aumento de tributos”, disse um integrante da equipe econômica.

NÃO PODEMOS MAIS ADMITIR QUE SÓ O POVO PAGUE A AMARGA CONTA DA INCOMPETÊNCIA DE UM GOVERNO QUE DEIXA AS MARGENS DA SOCIEDADE TODOS OS APOSENTADOS E IDOSOS! VAMOS DAR UM BASTA!

Clique aqui para voltar.