• facebook
  • Flickr
  • twitter
  • orkut

FAPESP VAI A LUTA! JOAQUIM DAS MALDADES LEVY IGNORA OS APOSENTADOS!

A FAPESP TRABALHA e foi atrás do ministro cobrar um posicionamento sobre a primeira parcela do 13º dos aposentados. O ministro da Fazenda Joaquim Levy definitivamente não respeita os aposentados. Hoje a FAPESP participou de uma coletiva de imprensa e quando questionado sobre a primeira parcela do 13º ele IGNOROU completamente o assunto. UM ABSURDO! O Senhor ministro estava hoje em São Paulo durante a Conferência do Banco Santander e estava falando com investidores mas ao falar com a imprensa e ainda mais sobre os aposentados não deu a mínima atenção.

Toda a grande imprensa (Tv, rádio, jornal e internet) estava aguardando a fala do senhor ministro. Ele foi questionado sobre assuntos como o FGTS, o crescimento das industrias e a desoneração em folha. Todos esses casos disse que está acompanhando, mas ao questionarmos sobre a Primeira Parcela do 13º Salário aos aposentados o senhor ministro Joaquim Levy IGNOROU COMPLETAMENTE virou as costas e deu por encerrado a coletiva. Os jornalistas ali presentes questionaram se realmente não ia responder, apenas olhou a todos e foi embora.

A FAPESP como representante de todos os aposentados do estado de São Paulo repudia a atitude do senhor ministro que deve antes de TUDO prestar esclarecimentos a população. Só comprova mais ainda o quanto esse governo é cruel com o povo. Para anunciar medidas e impostos fica horas e horas justificando gastos excessivos, mas quando se trata do dinheiro do povo não dão satisfação. Falta de respeito, responsabilidade.

Milhares de aposentados esperam por esse adiantamento. Mais uma vez a incompetência do governo generalizada quem paga a amarga conta é o aposentado. Essa atitude do senhor ministro com a imprensa demonstra a falta completa de articulação, transparência e diálogo. Esse governo esqueceu que quem os elegeu foi o POVO e eles tem o dever de dar uma satisfação sobre a primeira parcela do décimo terceiro.

O governo tem o prazo até o dia 20 de agosto para publicar um decreto e incluir os recursos na folha para pagar os 50% do abono natalino ainda este mês a mais de 30 milhões de aposentados e pensionistas do INSS. O governo ainda não decidiu se fará o crédito antecipado do 13º. UM ABSURDO! A FAPESP repudia tanta incoerência e crueldade com os aposentados!

A Previdência afirmou que procura solução e alega que encontra dificuldades por conta da crise econômica, e a dúvida que fica é para onde vai tanto dinheiro!?? Muitos aposentados já contam com o pagamento antecipado, tendo em vista que desde 2006 o crédito é feito na folha de agosto.

EXIGIMOS RESPEITO AOS APOSENTADOS!

Clique aqui para voltar.