• facebook
  • Flickr
  • twitter
  • orkut

SENADO DAS MALDADES!

O Senado não está a favor do Brasil. O Senado se vendeu ao governo e agora prepara junto a este governo cruel um pacote de medidas que visa apenas prejudicar os aposentados e idosos.

A presidente Dilma afirmou que as propostas do senador das maldades Renan Calheiros coincidem com o que pretende o governo. Essa reaproximação só comprova que o Senado não está pensando no Brasil e muito menos nos brasileiros. Ao invés de diminuir os ministérios, cargos comissionados estudam mais e mais medidas cruéis que só visam prejudicam a população.

Vivemos na insegurança, sem educação, sem saúde digna e pagando uma carga tributária das mais altas do mundo enquanto não punem todos os envolvidos na Lava Jato. São bandidos, ladrões sem respeito algum com o povo brasileiro que os colocou para comandar essa nação.

Aos poucos perdemos tudo. O governo deve urgente parar de utilizar dinheiro da Seguridade para outros fins, já que diferente do que se divulga a Receita da Seguridade Social em 2014 foi de R$ 686,1 bilhões, com um aumento de R$ 35,2 bilhões em relação a 2014. O superávit final da Seguridade Social em 2014 foi de R$ 53,9 bilhões.

A Seguridade Social é superavitária e mantida e financiada através de recursos próprios por meio do empregador, das folhas de salário e também por receita ou faturamento e lucro (COFINS, PIS, CSLL). A Previdência tem dinheiro desde que não retirem para outros fins! Não admitimos em hipótese alguma que a NOSSA Previdência seja sucateada por falta de gestão! A Seguridade Social é do povo e merece o mínimo de respeito.

Os senadores pacote de reformas que inclui imposição de idade mínima para as aposentadorias, terceirização, flexibilização das leis ambientais e desconstrução do Sistema Único de Saúde (SUS).

A adoção do ‘pacotaço’ seria uma condição para que os senadores do partido votem a favor das medidas do ajuste fiscal do Palácio do Planalto, que só jogam a conta da crise. Para o trabalhador, aposentado e idoso.

Com o título de “Agenda Brasil”, o pacote lista 27 itens com medidas e ações. Entre as medidas estão a adoção de uma idade mínima na aposentadoria, possibilidade de atendimentos no SUS serem cobrados, criação de um ‘atalho’ para licenciamento ambiental de grandes obras e a regulamentação da terceirização.

Os senadores não satisfeitos com todas as maldades que fazem em compactuar com esse governo cruel ainda querem propor uma idade mínima para ter direito a aposentadoria, se não bastasse o fator previdenciário e a 85/95.

O PIOR, Dilma claro que gostou das propostas e claro que diante da possibilidade de abertura de um processo de impeachment na Câmara ela já garante que o Senado a proteja.

Agora precisamos nos UNIR mais do que nunca e pedir que não façam mais maldades com o povo que os elegeu! Não podemos permitir que esse governo continue a MASSACRAR o aposentado. NÃO PODEMOS PERMITIR QUE ISSO CONTINUE!

Clique aqui para voltar.