• facebook
  • Flickr
  • twitter
  • orkut

PARA ONDE VAI TODO NOSSO DINHEIRO?

O Brasil é o país dos impostos e esse governo sem moral alguma não para de criar mecanismos de arrecadação que massacram o povo brasileiro deixando os aposentados e idosos cada vez mais a margem da sociedade e no final das contas todo esse dinheiro vai para onde?

A dona mandioca Dilma desonerou a folha para diversos setores, mas diante da falta de gestão, de nada adiantou, além de diminuir a arrecadação ao INSS, agora voltou atrás com a medida e subiu a taxação para centenas de setores. Para onde foi o dinheiro da desoneração?

Logo no começo do primeiro mandado a presidente havia reduzido diversos impostos como o IPI para os veículos e para linha branca de eletrodomésticos. Essa ação estimulou a economia e endividou o povo brasileiro que hoje está desempregado sem direitos e sem condições de pagar suas dívidas.

Enquanto isso o Impostômetro chegou a marca de TRILHÕES DE REAIS e ainda esse governo corrupto tem a audácia de tirar 20% da Seguridade Social com a DRU, Desvinculação de Receitas da União, e sumir com o resto do superávit da Previdência. O que esse governo quer? Para onde vai tanto dinheiro?

Enquanto isso, vemos o shopping Congresso do senhor Cunha ganhando forma, o reajuste de salários dos parlamentares ser o quanto eles querem, o aumento do repasse aos partidos políticos sem limites e somos obrigados a pagar a conta da incompetência ao aprovarem as medidas cruéis de ajuste fiscal com redução de benefícios ao povo, atraso de repasses e corte de investimentos na Petrobras de mais de R$ 130 bilhões de dólares. “Ah dinheira pro lojinha da Cunha?”

A CRISE É FEITA PELO PRÓPRIO GOVERNO QUE SUFOCA SEU POVO PARA MANTER AS REGALIAS DE POUCOS. Os senhores parlamentares foram eleitos para legislar para o povo e não para manter uma corrupção sem fim enquanto massacram o povo! O POVO ESTÁ CANSADO DESSA FALTA DE RESPEITO E UMA CERTEZA DEVEM TER NUNCA MAIS SERÃO REELEITOS!

Precisamos AGORA nos mobilizar e reconquistar o Brasil aos brasileiros. Devemos exigir uma administração para a Seguridade Social de forma democrática, quadripartite, prevista no Artigo 194 da nossa Constituição Federal. “Art. 194. A seguridade social compreende um conjunto integrado de ações de iniciativa dos Poderes Públicos e da sociedade, destinadas a assegurar os direitos relativos à saúde, à previdência e à assistência social. VII - caráter democrático e descentralizado da administração, mediante gestão quadripartite, com participação dos trabalhadores, dos empregadores, dos aposentados e do Governo nos órgãos colegiados. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 20, de 1998)”

Só assim a Seguridade terá credibilidade, transparência e assegure que os recursos fiquem na Previdência, Saúde e Assistência Social sem que seja desviado para outros fins. VAMOS NOS UNIR E REESCREVER ESSA HISTÓRIA!

Clique aqui para voltar.