• facebook
  • Flickr
  • twitter
  • orkut

ATENÇÃO!! || Postos de saúde iniciam vacinação contra a gripe

Atenção idosos! Esta semana cerca de 65 mil postos de saúde em todo o país iniciaram a Campanha de Vacinação contra a Gripe. Procure o posto de saúde mais próximo para tomar a dose da vacina!

De acordo com a doutora Jeanne Cuellar, médica da Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas da Região do Grande ABCDMRPRGS a vacina é segura e é uma das medidas mais eficazes de prevenção. Segundo a doutora Jeanne, muitos idosos tem medo de tomar a vacina e ficar gripado. “A vacina não causa a gripe. A Vacina contra gripe é uma vacina inativada e fracionada, o que significa que os vírus estão mortos, não podendo se reproduzir dentro do organismo das pessoas vacinadas; no entanto, podem produzir uma resposta imunológica protetora. A Vacina contra gripe protege da gripe, porém, não protege dos resfriados e de outras infecções menores que também ocorrem no inverno.”, disse.

A Doutora alerta que caso esteja com algum mal estar ou doente não se deve tomar a vacina. “O melhor é esperar pelo restabelecimento antes de se vacinar, já que o corpo ainda está se recuperando”, aponta Jeanne.

No sábado (9), será feito o Dia D de mobilização nacional. Os postos ficarão abertos para facilitar o acesso dos que não conseguem ir às unidades em dias de semana. A campanha de vacinação contra a gripe termina no dia 22 de maio.

Devem ser vacinadas crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos, pessoas com mais de 60 anos, trabalhadores da saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), presos e funcionários do sistema prisional. É importante levar aos postos de saúde o cartão de vacinação e um documento de identificação.

Serão disponibilizados 54 milhões de doses para a imunização de 49,7 milhões de pessoas. A meta do governo é vacinar 80% do público-alvo, totalizando 39,7 milhões de pessoas.

Também serão imunizadas pessoas com doenças crônicas não transmissíveis ou com condições clínicas especiais.

A transmissão dos vírus influenza ocorre por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, ao tossir ou ao espirrar. A doença também pode ser transmitida pelas mãos e objetos contaminados.

Os sintomas da gripe incluem febre, tosse ou dor na garganta, além de dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento pode ser identificado por sintomas como falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

Clique aqui para voltar.