• facebook
  • Flickr
  • twitter
  • orkut

Previdência irá tomar providências diante do DESCASO dos bancos com os aposentados

Está surtindo efeitos a nossa reivindicação para que as instituições bancárias tratem os idosos com mais humanidade e respeito.

Ontem, 26 de maio, a chefe do gabinete do Dr. Benito Brunca da Previdência social, confirmou o recebimento de nosso ofício denuncia e nos disse que tomara providências com relação aos fatos relatados, não informou que atitudes serão tomaras.

O importante é sabermos que nosso ofício está chegando às mãos de autoridades que podem mudar este triste cenário que os bancos nos colocaram. Querem nos colocar as margens da sociedade. Querem furar nossos olhos, mas nós temos força pra lutar, isso nunca ocorrerá, pois também temos o Estatuto do Idoso que nos protege e principalmente nos dá garantias legais de nossos direitos.

Todos os bancos estão juntos neste processo de desrespeito ao idoso, particularmente o Banco Bradesco. Nos que contribuímos a vida toda e que sempre usamos serviços bancários, nos deixam assim, na rua.

A FAPESP encaminhou ofício ao Banco Central e a diversas autoridades cobrando explicações do porque de não receberem boletos ou transações de aposentados, pensionistas e idosos nos caixas físicos, dentro da agência, e sequer podem entrar no domicílio bancário.

O correntista ou beneficiário da Previdência Social que recebe no banco não consegue pagar suas contas se for igual ou inferior a mil reais. Os atendentes encaminham os idosos para efetuar pagamento em uma casa lotérica ou nas máquinas de autoatendimento que não possuem funcionários para auxiliarem tais procedimentos.

Isso não pode ocorrer mais e se depender da Federação dos Aposentados de São Paulo esse processo de degradação acabará logo.

Clique aqui para voltar.