• facebook
  • Flickr
  • twitter
  • orkut

Conquista da FAPESP: Passe Livre é regulamentado pelo Governador Geraldo Alckmin

O Passe Livre é realidade. Projeto idealizado pelos Diretores da FAPESP se tornou realidade regulamentada e garantida pela Lei 15.187. O dia 2 de julho é uma data histórica na luta dos aposentados que conquistaram a partir da assinatura do senhor Governador Geraldo Alckmin no Palácio dos Bandeirantes.

A partir desta conquista todos os idosos a partir de 60 anos de idade poderão utilizar gratuitamente o Metrô, CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo). Este Projeto é de autoria do nosso parceiro, o Deputado Estadual Campos Machado, do PTB.

O Bilhete Único Especial Idoso fornecido pela SPTrans também poderá ser utilizado no sistema metroferroviário (CPTM e Metrô), assim como o Bilhete Sênior, do sistema metropolitano de ônibus da EMTU. Esse bilhete também deverá ser utilizado para o serviço de transporte coletivo regular de passageiros, por ônibus, da Região Metropolitana de São Paulo.
Estiveram presentes no evento o Secretário Estadual de Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, o Deputado Federal pelo PTB Arnaldo Faria de Sá, o Vereador da cidade de São Paulo, Antônio Goulart, além da presença dos Presidentes e Dirigentes da Associação Aposentados de Votorantim, Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas da Região do Grande ABCDMRPRGS e União dos Aposentados e Pensionistas de Transporte Coletivo de São Paulo entre outras autoridades do governo estadual.

Devemos destacar o empenho da presidente estadual do PTB Mulher e candidata a Senadora da República, Marlene Campos Machado com o autor do Projeto, o Deputado Campos Machado para aprovação e regulamentação do Projeto. Devemos lembrar que o Projeto de Lei começou a ser idealizado dentro da FAPESP pelos Diretores Antero Ferreira Lima, Jair Diniz Martins e José Goulart da Silva. A FAPESP não mediu esforços de pedir as autoridades a concretização deste direito que hoje é realidade.

O Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá do PTB comemorou a conquista aos idosos e convidou o Presidente da FAPESP, Antonio Alves da Silva ir à tribuna para falar sobre esta importante conquista. “Só devo agradecer e destacar o quanto é importante aos idosos do nosso Estado. Esta Lei vai beneficiar mais de 5 milhões de idosos e isto nos dá uma alegria imensa de ver que hoje o passe livre é realidade.”, afirmou o Presidente.


Na cerimônia, o Governador Geraldo Alckmin destacou a todos presentes a importância da regulamentação desta Lei. "Uma política pública importante para os idosos gastarem menos, poderem ter mais lazer e viajar, até mesmo para o trabalho, enfim se locomover de forma gratuita", afirmou Alckmin.

O Passe Livre já é realidade e direito adquirido no Projeto de autoria do Vereador Antônio Goulart (PSD) que libera o Passe Livre para pessoas a partir de 60 anos do sexo masculino para ônibus municipais da capital paulista. As mulheres já têm a gratuidade garantida. O Projeto de Lei que oferece o Passe Livre Intermunicipal a pessoas a partir de 60 anos, sem necessidade de comprovação de renda foi de autoria do governador Geraldo Alckmin e também já é válida. O benefício é de 2 pessoas por ônibus, por horário de embarque, desde que a reserva seja feita com 24 horas de antecedência.

A Federação agradece ao Governador Geraldo Alckmin, aos nossos parceiros vereador Antonio Goulart, ao Deputado Estadual Campos Machado e ao Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá, que sempre estão ao nosso lado melhorando a cada dia a vida dos idosos, aposentados e pensionistas.

Clique aqui para voltar.