• facebook
  • Flickr
  • twitter
  • orkut

Seminário Previdenciário e Jurídico da FAPESP em Águas de Lindóia inicia com meta de unir e discutir mudanças ao aposentado e idoso

É o tempo de nos unir. Não há outra frase que represente melhor o sentimento de todos os participantes do II Seminário Jurídico e Previdenciário em Águas de Lindóia organizado pela FAPESP.

O presidente da FAPESP, Federação das Associações e Departamentos de Aposentados do Estado de São Paulo, Antonio Alves da Silva destaca que o Seminário é o melhor momento para reflexão e mudança para nosso povo. “Deste encontro temos que traçar qual caminho temos que seguir, vamos juntos construir uma nova realidade para os idosos e aposentados”, disse o presidente. O presidente deixa claro que é hora de escrever uma nova história e se queremos que tenhamos uma Previdência Social hoje e para as gerações futuras é necessário cobrar as autoridades. Outro ponto importante é aprovação do Projeto de Lei Nº 4434/08 já aprovada no Senado e nas Comissões, falta o Congresso Nacional aprovar, parado desde 2003 que prevê o aposentado terá os rendimentos corrigidos na mesma proporção que se contribuiu, ainda mais, a matéria prevê que a Previdência pague em 5 anos as defasagens no salário dos aposentados.

Claro que a grande conquista da FAPESP aos aposentados não poderia deixar de ser lembrado, o Passe Livre aos idosos a partir de 60 anos a gratuidade no transporte de ônibus municipal e viagens intermunicipais regulamentada na quinta-feira, dia 13 de março, pelo Prefeito Fernando Haddad. Vitória da FAPESP e claro, não poderia deixar de agradecer e homenagear os diretores e nosso amigo, o vereador Goulart que tiveram a ideia e fizeram levaram em frente o projeto até aprovação.

Os diretores da Federação Antero Ferreira Lima, José Goulart da Silva e o vereador da Capital Antonio Goulart receberam a homenagem das autoridades presentes dessa importante conquista ao nosso povo.

Para dar abertura ao Seminário com mais de 150 participantes a mesa solene estava formada pelo presidente da FAPESP Antonio Alves da Silva, Presidente da COBAP, Warley Martins Gonçalles, o vereador da Capital Antonio Goulart, Maristela Binordi, representante da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo ,Doutora Dulcira Golgado representante do INSS no Estado de São Paulo, Rui Galvão representando José Pedro da Federação do Rio Grande do Sul, Ernesto Gradela representante da presidência CSC Conluta, o representante do prefeito de Águas de Lindóia, Antonio Nogueira, o presidente da Câmara dos vereadores da cidade, Nárcio Tadeu Cavalieri.

Todas as autoridades na mesa alertaram da força que nosso povo unido pode ter. As autoridades mostraram que precisamos ter garra e lutar pelo que é nosso e pensar no futuro.

Dando abertura nas palestras do Seminário o membro da Secretaria Executiva Nacional da CSP – Conlutas, Atnágoras Teixeira Lopes, indagou os aposentados da atual situação do nosso pai com o tema “Conjuntura Nacional”. Atnágoras deixou claro que precisamos analisar as problemáticas além dos nossos olhos e o que podemos mudar e protestar e não aceitar mais a roubalheira que fazem na máquina pública e estas eleições serão o tempo de mudança ao nosso povo.

A Doutora Fabiana Costa do Amaral, advogada da ADMAP/ São José dos Campos foi a segunda palestrante com o tema “Planos de Saúde nas Associações de Terceira Idade” onde alertou o descaso dos governantes na área de saúde, principalmente para os aposentados que tem que pagar preços abusivos se quiser o mínimo de cobertura hospitalar, que é obrigação prevista na Constituição, do governo. A Doutora apontou medidas que devem ser tomadas para essa situação se reverter e que já tramitam nos corredores do Congresso Nacional.

Para terminar o primeiro dia de Seminário a Doutora Angélica Musa de Novaes, Diretora Comercial da Empresa Markiodonto, parceira da FAPESP, explicou e alertou sobre as doenças bucais destacando que o tratamento preventivo é importante e dando dicas de escovação aos expectadores.

(Por Renan Matavelli)

Clique aqui para voltar.